This is an example of a HTML caption with a link.
Posted by : Matheus Paulino 19/05/2015

Em uma notícia da manhã desta terça-feira, do portal G1, podemos ver o que ainda acontece em nossa sociedade, quando um profissional foge ao que as pessoas consideram "comportamento normal". Celso Pfister Junior, 37 anos, professor de educação física em Limeira, interior de São Paulo, diz ser constantemente vítima de preconceito e assédio moral  na escola onde leciona, por conta de suas tatuagens. 

Celso leciona desde 2012 e nunca havia tido problemas por ser tatuado
Desde o início do ano letivo, tive minhas aulas interrompidas por gestores da instituição por causa de minhas tatuagens e piercing cinco vezes. A direção pediu que eu colocasse uma fita adesiva sobre meu brinco”, disse Celso à reportagem. 

O comportamento vai no caminho inverso ao dos alunos, que gostam das tatuagens do professor:
"Nunca tinha passado por esse tipo de constrangimento até chegar nessa escola. Tenho ótimo relacionamento com os outros docentes e colegas de profissão. Os alunos sempre me elogiam."

O caso está em investigação e Celso tem uma nova reunião em junho. A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo afirmou por telefone ao G1 que tem conhecimento do caso, mas nega que exista preconceito.

FONTE: G1

Deixe Seu Comentário

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

- Copyright © MEDÁ CAFÉ - Hatsune Miku - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -